14.4 C
Vila Nova de Famalicão
Domingo, 9 Maio 2021
Partilhar
  • 98
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
    98
    Shares
Hélder Filipe Costa
Hélder Filipe Costa
Licenciado em Gestão de Recursos Humanos, o empresário Hélder Filipe Costa tem como inspiração cinematográfica Braveheart, de Mel Gibson.

Turistas europeus rendidos a Braga

Não posso deixar de manifestar a minha alegria com a eleição de Braga como o melhor destino europeu de 2021, por tudo o que ela significa para todos nós que fomos altamente penalizados pelo impacto da covid-19 nas atividades económicas.

2 min de leitura
- Publicidade -
Hélder Filipe Costa
Hélder Filipe Costa
Licenciado em Gestão de Recursos Humanos, o empresário Hélder Filipe Costa tem como inspiração cinematográfica Braveheart, de Mel Gibson.

Famalicão

Tabu desfeito. Paulo Cunha não é candidato e deixa Famalicão em Outubro

A decisão do autarca foi oficializada esta semana numa reunião com os vereadores da coligação PSD-CDS.

Famalicão. Grupo Eco-Trocas dá vida nova a artigos excedentes e em desuso

O grupo tem como missão incentivar o aproveitamento de recursos e contribuir para a diminuição de desperdícios.

Eduardo Oliveira e as Antoninas: “Manda a prudência que se fale claro aos famalicenses”

A Câmara de Famalicão anunciou o regresso das Antoninas. Mas estamos em estado de calamidade que impõe muitas restrições. A polémica está instalada. O líder do PS lança várias questões à Câmara Municipal. Paulo Cunha acusa-o de ser eleitoralista.

Deputada do PCP no Parlamento Europeu visita a Associação de Moradores das Lameiras

Sandra Pereira elogiou o trabalho da instituição que considera "ser uma referência nacional".
Partilhar
  • 98
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
    98
    Shares

Os turistas europeus estão rendidos à cidade de Braga – capital do nosso distrito que foi recentemente eleita como o melhor destino Turístico Europeu para 2021.

É uma distinção que volta a engrandecer Portugal e a orgulhar os portugueses e que, neste caso, envaidece particularmente todos os minhotos.

Não poderia deixar de dedicar este artigo de opinião à cidade de Braga, porque esta distinção deixa-me particularmente feliz em três domínios.

Em primeiro lugar porque me assumo como um orgulhoso minhoto em toda a sua dimensão, desde os costumes às tradições, à hospitalidade, à humildade e à força do trabalho. Além disso, ainda tenho o privilégio de ser de Ribeirão, a vila “onde o Minho começa” para quem visita a região vindo do Porto, pela Estrada Nacional nº 14.

Em segundo lugar, por verificar que, em tempos de descrença política e crescente aumento de maus exemplos de gestão municipal, ainda há autarcas responsáveis e competentes no desempenho das suas funções.

Esta distinção tem o rosto de Ricardo Rio. Um autarca-modelo, também ele, entre os finalistas para a eleição de melhor Autarca do Mundo e que vê, nesta distinção atribuída a Braga, o reconhecimento pelo trabalho que tem desenvolvido desde que os bracarenses tiveram a sapiência de o eleger para a presidência da Câmara Municipal.

Não escondo o regozijo que sinto por se tratar de um autarca da minha família política.

Por último, e por estar profissionalmente ligado ao sector do turismo, não posso deixar de manifestar a minha alegria com esta distinção, por tudo o que ela significa para todos nós que fomos altamente penalizados pelo impavto da covid-19 nas atividades económicas.

Braga foi distinguida através da “European Best Destinations”, organização sediada em Bruxelas que promove a cultura e o turismo na Europa. Fotografia DR

Para além de beneficiar a cidade que os romanos designaram como Bracara Augusta, este prémio, mais do que nunca, assume uma importância vital para o futuro do setor turístico e da economia portuguesa.

Verificar que nos últimos anos quer o Porto, quer agora Braga, são eleitos como Melhores Destinos Turísticos da Europa, assume um significado muito importante para o crescimento e desenvolvimento do turismo do Norte, abrindo uma enorme janela de esperança para a retoma de um setor estratégico para Portugal no pós-pandemia.

Uma distinção de dimensão global atribuída a Braga, que concorreu com mais de 20 destinos europeus tal como Roma, de Itália, Paris, de França, e as Ilhas Canárias, de Espanha.

A responsabilidade e a urgência no controlo da pandemia e a abertura das fronteiras ao exterior significarão mais investimento e desenvolvimento para a nossa região.

Quer os europeus quer os cidadãos do mundo serão agora, mais estimulados a visitar a nossa histórica Bracara Augusta, a cidade mais antiga de Portugal, e a conhecer a sua história bimilenar.

Comentários