18.4 C
Vila Nova de Famalicão
Segunda-feira, 21 Junho 2021
Partilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Mariana Dewasmes
Tem 19 anos, é aluna de Gestão na Universidade do Minho e apaixonada por maquilhagem, música e pela ideia de que este mundo possa vir a ser melhor.

Verão, viagens, poemas…

Sem mais demoras.

2 min de leitura
- Publicidade -
Mariana Dewasmes
Tem 19 anos, é aluna de Gestão na Universidade do Minho e apaixonada por maquilhagem, música e pela ideia de que este mundo possa vir a ser melhor.

Famalicão

Mais enfermeiros no centro de vacinação de Famalicão

24 enfermeiros reforçam equipa no centro de vacinação até ao final de julho.

Paulo Costa é o candidato do Bloco de Esquerda à Câmara Municipal

Deputado municipal concorre à presidência da Câmara. Catarina Ferraz encabeça a lista à Assembleia Municipal.

Agostinho Fernandes quer Eduardo Oliveira a “virar a página de Famalicão”

“Servir as pessoas é a verdadeira essência da política. Estou aqui para servir os famalicenses”, enfatizou Eduardo Oliveira na apresentação do mandatário e de todos os candidatos a vereadores.

Canil de Famalicão custa mais de meio milhão de euros e derrapa 50 mil

A Câmara Municipal aprovou reforço de 10% nas obras de construção do novo canil municipal. Equipamento está a ser construído junto do antigo canil e estará equipado com cerca de 80 boxes para cães, 45 para gatos e 4 para outras espécies.
Partilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Recentemente, cheguei ao momento mais esperado do ano letivo: o seu término. É com grande alegria, que posso finalmente dizer, sem remorsos, que estou de férias! E com as férias chegam as viagens – pelo menos este ano, que 2020 foi uma desgraça nesse sentido, e apenas por mim falo, mas tenho a certeza que muitos sentem o mesmo na pele – e, ao refletir sobre o assunto, recordei-me de uma viagem de carro que fiz há uns anos atrás, em que ocupei o percurso inteiro a dar asas à minha imaginação, e do qual surgiram frutos em formato poético. Estes poemas parecem-me estar entre os meus favoritos da minha autoria, por assumirem uma essência absolutamente simples, mas invulgar. Se o poema que publiquei em março transmitia uma certa inquietação quanto ao futuro, estes constituem uma lufada de ar fresco, pela forma como transparecem uma presença inocente e brincam com as palavras. Sem mais demoras.

 

Contrastes

“Aquela tal casa

Laranja.

Do outro lado do rio

Mostra um mistério no seu olhar

Ou talvez seja apenas o céu cinzento

Que a faz brilhar.”

 

Encantos

“As flores daquele campo

São cor à vida de um cego,

Música à vida de um surdo,

Palavras à vida de um mudo.”

 

Caprichos

“Os remadores de bronze

Inquietos como o mar

Param um instante

Para poder remar”

Comentários

Mariana Dewasmes
Tem 19 anos, é aluna de Gestão na Universidade do Minho e apaixonada por maquilhagem, música e pela ideia de que este mundo possa vir a ser melhor.