9.8 C
Vila Nova de Famalicão
Quinta-feira, 27 Janeiro 2022

AMCO vence Prémio Cinco Estrelas 2022

Empresa famalicense foi a única na área da intermediação de crédito que recebeu esta distinção em Portugal.

1 min de leitura
- Publicidade -

Famalicão

CDS-PP defende isenção de IRC sobre lucros reinvestidos nas empresas

Areia de Carvalho visita empresa Vieira de Castro, em Vila Nova de Famalicão.

HumanitAVE está a desenvolver projetos na Guiné-Bissau

Instituição enviou um contentor repleto de materiais angariados em diversas campanhas.

PAN aponta problemas na reabilitação do mercado municipal

Durante ação de campanha em Famalicão, partido detetou "oportunidade perdida".

Legislativas. Candidatos do PAN visitaram a escola de Gondifelos

Uma das propostas do partido é redução de alunos por turma para “melhorar as aprendizagens”.

A AMCO Intermediários de Crédito, vencedora do “Prémio Cinco Estrelas 2022” na categoria “Intermediação de Crédito”, com base na avaliação de mais de 320.000 consumidores.

No final do passado ano de 2021, foram avaliadas 1.035 marcas e a AMCO Intermediários de Crédito foi uma das 132 vencedoras entre as 1.035 marcas que foram avaliadas, num total de 188 categorias, com participação ativa nos testes de mais de 320.000 consumidores.

“A conquista desta distinção permite-nos perceber que o padrão de exigência que colocamos no serviço de consultoria gratuito aos clientes é de elevada referência nacional”, refere a empresa em comunicado.

O “Prémio 5 Estrelas” tem um sistema de avaliação que mede o grau de satisfação que os produtos, serviços e marcas conferem aos seus utilizadores, tendo como critérios de avaliação as principais variáveis que influenciam a decisão de compra dos consumidores como a satisfação pela experimentação, a relação preço-qualidade, a intenção de compra e recomendação, a confiança na marca e a inovação.

Os selos cinco estrelas garantem que as marca foram testadas e avaliadas pelos consumidores, sendo a AMCO Intermediários de Crédito a única empresa vencedora na categoria “Intermediação de Crédito”.

Comentários

- Publicidade -