27.2 C
Vila Nova de Famalicão
Terça-feira, 9 Agosto 2022

Faleceu o historiador famalicense Martins Vieira

Estudioso do património religioso do concelho de Vila Nova de Famalicão, publicou dois livros.

1 min de leitura
- Publicidade -

Famalicão

Município de Famalicão não respondeu ao Tribunal de Contas

O Tribunal de Contas citou o Município de Famalicão e Paulo Cunha. Apenas o ex-autarca respondeu.

Deputada do PSD com avença na Câmara de Famalicão demite-se e passa ao quadro da autarquia

Ex-deputada municipal, que foi também candidata a vereadora nas últimas eleições, responde por vários crimes e aguarda julgamento.

Câmara de Famalicão cria equipa para acompanhar alterações climáticas

Equipa tem como função o acompanhamento da política climática.

FAMAFOLK foi “um sucesso”

Quase 5000 pessoas passaram pelo festival.

O historiador local António Martins Vieira faleceu esta quinta-feira, dia 3 de fevereiro, aos 94 anos.

Martins Vieira escreveu vários artigos e estudos sobre a história e o património de Famalicão, nomeadamente no âmbito religioso.

Autor das obras “As Capelas de Vila Nova de Famalicão”, “Alminhas no concelho de Vila Nova de Famalicão” e “Cruzes e Cruzeiros no Concelho de Famalicão”. Além dos livros publicados, colaborou no Boletim Cultural editado pela Câmara Municipal de Famalicão e escreveu artigos publicados na imprensa local.

António Martins Vieira foi professor de História e era um entusiasta do património e da arte sacra, tendo sido um dos impulsionadores do Museu de Arte Sacra de Vila Nova de Famalicão, instalado na antiga Igreja da Lapa, junto à Universidade Lusíada.

Martins Vieira dinamizou o museu, juntamente com Artur Sá da Costa, antigo diretor do Departamento de Cultura da Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão, e o monsenhor Joaquim Fernandes, antigo arcipreste de Vila Nova de Famalicão, atualmente com 105 anos de idade.

O funeral António Martins Vieira realizou-se na manhã desta sexta-feira. A missa de 7º dia está será realizada na Igreja Nova de Antas, na próxima quarta-feira, 9 de fevereiro, às 19 horas.

Comentários

- Publicidade -
- Publici