23.7 C
Vila Nova de Famalicão
Quarta-feira, 5 Outubro 2022

Uma delícia para a audição

Com sede em Amesterdão, o Maat Saxophone Quartet é composto exclusivamente por jovens músicos portugueses. Um deles é a famalicense Mafalda Oliveira.

1 min de leitura
- Publicidade -

Famalicão

Feira Grande de S. Miguel animou o centro da cidade

Certame dedicado às tradições famalicenses aconteceu no último fim de semana.

PAN preocupado com a qualidade das refeições escolares em Famalicão

Alergénios na sopa e a presença de dióxido de enxofre e sulfitos em algumas refeições são algumas das preocupações do PAN com as refeições nas escolas famalicenses.

GRACAFE promove 6ª Corrida Pedome / Oliveira Santa Maria

Evento terá lugar dia 22 de outubro. Além das corridas, será realizada uma caminhada solidária.

CIOR inicia ano letivo com várias dinâmicas no âmbito do programa europeu Erasmus+

Os estágios serão realizados em empresas e instituições parceiras da escola.

Em digressão por várias salas portuguesas, passou no passado dia 30 de julho, pelo Teatro Narciso Ferreira, em Riba de Ave, um dos mais promissores grupos jovens de música de câmara.

Trata-se do Maat Saxophone Quartet, grupo com sede em Amesterdão, nos países Baixos, mas composto exclusivamente por jovens músicos portugueses, que fizeram os seus estudos de nível superior naquele país, vencedores do Prémio Jovens Músicos, da RTP 2, em 2018, que é já considerado nos meios musicais holandeses, onde já esgotou as mais conceituadas salas de espetáculos em várias cidades, uma das maiores referências em música de câmara.

Em Portugal o Maat Saxophone Quartet, também, não para de somar êxitos, havendo mesmo quem considere uma delícia para o sentido da audição, os momentos musicais que proporcionam a quem os houve. Mas os momentos de rara beleza, não se ficam apenas pela execução musical, também a forma como se apresentam em palco, os movimentos e a troca de olhares a cada frase musical, são de um rigor distinto.

O Maat Saxophone Quartet é constituído por Daniel Ferreira, Saxofone Soprano, um jovem natural de São Cipriano – “Aldeia da Música”, do concelho de Resende; por Catarina Gomes, Saxofone Alto, do concelho de Felgueiras; por Pedro Silva, Saxofone Tenor, originário de Salreu, concelho de Estarreja e por Mafalda Oliveira, Saxofone Barítono, natural da vila de Ribeirão, do concelho de Vila Nova de Famalicão.

Daniel Ferreira é, ainda, o mais recente laureado com 1º lugar no Concurso Jovens Músicos da RTP 2, na classe de saxofone e também compõe para o grupo. O Pedro Silva é, também, autor de alguns arranjos musicais para o grupo.

A atestar a qualidade desta formação de música de câmara, está o interesse demonstrado pelo contrabaixista e compositor argentino, Alejandro Erlich Oliva, em compor para estes jovens e talentosos músicos.

Comentários

- Publicidade -