22.1 C
Vila Nova de Famalicão
Domingo, 19 Setembro 2021
Partilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Ala da Frente tem patente uma exposição de pinturas de Ilda David

Sessão inaugural aconteceu no passado dia 4 de setembro na galeria municipal.

min de leitura
- Publicidade -

Famalicão

Candidatos do CHEGA, IL, PAN e PS recebem apoio da liderança nacional em Famalicão

Ao contrário de eleições anteriores, a liderança nacional do PSD e do CDS-PP está ausente da campanha famalicense. Rui Rio participou ontem na campanha eleitoral de diversos municípios no Minho, mas não veio a Famalicão. Francisco Rodrigues dos Santos disse que não foi convidado.

PAN Famalicão apresenta programa eleitoral

O documento é dividido em quatro grandes eixos: Ambiente, Efetivar os Direitos Humanos, Proteção e Bem-estar Animal e Administração Municipal.

André Ventura presente na campanha do Chega em Famalicão

Centenas participaram no jantar com a participação do líder nacional no último dia 15, em Ribeirão.

António Costa dá força a Eduardo Oliveira hoje em Famalicão

Comício com a presença de António Costa realiza-se este sábado à tarde no Parque de Sinçães. Além do secretário-geral do Partido Socialista, outros nomes nacionais do partido têm vindo a Famalicão apoiar a candidatura de Eduardo Oliveira à presidência da Câmara Municipal.
Partilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

“Acidentes da Sombra e da Luz”, da autoria de Ilda David, foi inaugurada no passado sábado, dia 4, e contou com a presença da artista; do curador do espaço, António Gonçalves; e do vereador da Cultura, Leonel Rocha.

Leonel Rocha destacou que “os artistas têm que ser acarinhados (…) pelo bem que nos fazem, pela sua arte, pela partilha do seu talento (…) se não o fizessem, teríamos um mundo mais pobre”, e não deixou de enaltecer o trabalho desenvolvido na galeria municipal, que “traz artistas que se destacam no panorama nacional”.

O curador da Ala da Frente demonstrou a sua satisfação perante a receção de mais um trabalho artístico de elevado valor. “Fico muito contente com esta exposição”, referiu António Gonçalves, “o trabalho de pintura da Ilda (…) parte das muitas leituras que faz ao longo do seu percurso de vida (…) os autores e livros no qual mergulha”, sendo que, o trabalho exposto, serve para “ajudar-nos a perceber quais são as hipóteses, as viagens que se pode traçar a partir dessas leituras”, referiu.

Acidentes da Sombra e da Luz” é um trabalho de pintura inspirado no livro “As águas estreitas” de Julien Gracq, que nos permite “um passeio pelo campo, pelo interior da natureza, onde cada cor, cada aroma, cada brisa, cada reflexo ganham uma dimensão particular”, como se lê na folha de sala da exposição.

Refira-se que Ilda David é natural de Benavente, encontrando-se atualmente a viver e a trabalhar em Lisboa. Formada em Pintura na Escola Superior de Belas Artes de Lisboa, para além do trabalho desenvolvido nesta área, Ilda David também se dedica à ilustração de livros, tendo ilustrado obras de Camilo Castelo Branco, Maria Velho da Costa e Manuel António Pina.

O trabalho da artista estará patente na galeria municipal Ala da Frente até ao dia 8 de janeiro de 2022, e poderá ser contemplado de terça a sexta das 10h00 às 17h30, sábado e domingo da 10h00 às 12h30 e das 14h30 às 17h30. Às segundas e feriados, o espaço encontra-se encerrado.

Comentários

- Publicidade -