18.8 C
Vila Nova de Famalicão
Terça-feira, 9 Agosto 2022

Mais de cem alunos sobem hoje ao palco do Teatro Narciso Ferreira

Atuações acontecem esta sexta-feira, 17 de junho, às 18h30 e 21h30.

2 min de leitura
- Publicidade -

Famalicão

Município de Famalicão não respondeu ao Tribunal de Contas

O Tribunal de Contas citou o Município de Famalicão e Paulo Cunha. Apenas o ex-autarca respondeu.

Deputada do PSD com avença na Câmara de Famalicão demite-se e passa ao quadro da autarquia

Ex-deputada municipal, que foi também candidata a vereadora nas últimas eleições, responde por vários crimes e aguarda julgamento.

Câmara de Famalicão cria equipa para acompanhar alterações climáticas

Equipa tem como função o acompanhamento da política climática.

FAMAFOLK foi “um sucesso”

Quase 5000 pessoas passaram pelo festival.

Cerca de 139 alunos do 3.º e 4.º ano do Agrupamento de Escolas de Pedome vão subir ao palco do Teatro Narciso Ferreira esta sexta-feira, dia 17 de junho, no âmbito do “Andorinhas”, projeto cultural de cocriação desenvolvido no ano letivo 2021/2022 no âmbito do Há Cultura | Cultura Para Todos e sob direção artística da companhia de teatro famalicense Momento – Artistas Independentes.

Repartido em dois espetáculos teatrais – o primeiro às 18h30 e o segundo às 21h30 –, que terão como protagonistas os alunos das escolas de Oliveira S. Mateus, Castelões e Riba de Ave, o trabalho performativo que será apresentado é descrito como “um conjunto de memórias registadas de crianças que se traduzem numa ingénua viagem sobre as asas de uma andorinha no seu ciclo migratório”, denotando o trabalho exploratório desenvolvido com as crianças e os professores.

O projeto tem como base a essência do teatro e tudo o que daí advém, como o trabalho e compreensão de emoções, os conceitos de liberdade e limites pessoais, o poder da imaginação e da criação, entre outros. Teve como objetivos principais o estímulo da imaginação e a criatividade das crianças e a redução das desigualdades que vão surgindo nestas idades, bem como os primeiros sinais de variações na autoestima e timidez.

A iniciativa, inserida no projeto Há Cultura | Cultura Para Todos, promovido pelo Município de Vila Nova de Famalicão e cofinanciado pelo Norte 2020, através do Fundo Social Europeu (FSE), resultou de um trabalho de capacitação artística desenvolvido pela Momento junto do corpo docente e da comunidade estudantil, iniciado em outubro do ano passado, que incluiu a realização de oficinas dirigidas a ambas as partes, bem como a construção do espetáculo.

A entrada nos espetáculos é gratuita, mas implica o levantamento prévio de ingresso na bilheteira do Teatro Narciso Ferreira em Riba de Ave. Para mais informações, contacte: tnf@famalicao.pt .

Comentários

- Publicidade -