9.8 C
Vila Nova de Famalicão
Quinta-feira, 27 Janeiro 2022

Candidatos socialistas visitaram o hospital e centros de saúde em Famalicão

Foram apresentadas algumas das prioridades para os próximos quatro anos no sector da Saúde. Aumentar a cobertura dos centros de saúde para evitar muitas idas às urgências hospitalares e valorizar a carreira dos enfermeiros são algumas dessas prioridades.

2 min de leitura
- Publicidade -

Famalicão

CDS-PP defende isenção de IRC sobre lucros reinvestidos nas empresas

Areia de Carvalho visita empresa Vieira de Castro, em Vila Nova de Famalicão.

HumanitAVE está a desenvolver projetos na Guiné-Bissau

Instituição enviou um contentor repleto de materiais angariados em diversas campanhas.

PAN aponta problemas na reabilitação do mercado municipal

Durante ação de campanha em Famalicão, partido detetou "oportunidade perdida".

Legislativas. Candidatos do PAN visitaram a escola de Gondifelos

Uma das propostas do partido é redução de alunos por turma para “melhorar as aprendizagens”.

O cabeça de lista do PS pelo círculo eleitoral de Braga, José Luís Carneiro, acompanhado pelos também candidatos Joaquim Barreto e Eduardo Oliveira, visitaram, esta tarde, a Unidade Hospitalar de Famalicão (ex-hospital S. João de Deus) que pertence ao Centro Hospitalar do Médio Ave, no qual também se insere a Unidade Hospitalar de Santo Tirso.

Na reunião com a Administração, os candidatos socialistas apresentaram algumas das prioridades para os próximos quatro anos para o setor da Saúde que constam das linhas gerais do programa eleitoral do PS.

“Uma das nossas prioridades é uma boa governação e para consegui-la, no setor da Saúde, temos um conjunto das medidas que acreditamos que a tornarão possível. Criaremos a Direção Executiva do SNS com o papel de dirigir o SNS a nível central, coordenando a resposta assistencial das suas unidades de saúde, assegurando o seu funcionamento em rede e monitorizando o seu desempenho e resposta” adiantou José Luís Carneiro. “Vamos ainda prosseguir o trabalho de revisão e generalização do modelo das unidades de saúde familiar, garantindo que elas cobrem 80% da população na próxima legislatura. Estamos certos de que esta cobertura evitará muitas idas às urgências hospitalares”, continuou.

Eduardo Oliveira, candidato a deputado e enfermeiro especialista em Saúde Materna e Obstétrica naquela Unidade, adiantou uma das medidas previstas para valorizar as carreiras dos enfermeiros: “Vamos repor os pontos perdidos aquando da entrada na nova carreira de enfermagem.”

Os candidatos visitaram ainda o Centro de saúde de Famalicão, a Unidade Saúde Familiar São Miguel-o-anjo e a Unidade de Saúde Familiar de Ribeirão num roteiro dedicado à Saúde do concelho de Famalicão.

Comentários

Artigo anteriorAberto prazo