5.8 C
Vila Nova de Famalicão
Domingo, 28 Novembro 2021
Partilhar
  • 1
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
    1
    Share

Reuniões do Executivo Municipal voltam a ser presenciais

Primeira reunião após a tomada de posse de Mário Passos e com a presença de novos vereadores marcada pelo regresso ao formato presencial e por votos de felicidades ao executivo.

1 min de leitura
- Publicidade -

Famalicão

Concertos de Natal de Famalicão decorrem no Mercado Municipal

Quase duas dezenas de convidados vão atuar entre os dias 1 de dezembro e 9 de janeiro.

PSD-Famalicão renova confiança no deputado Jorge Paulo Oliveira

Jorge Paulo Oliveira é deputado à Assembleia da República há 10 anos.

Sem campo para jogar no concelho, FC Famalicão instala-se em clube de Esposende

O assunto foi levantado esta quinta-feira na reunião do executivo da Câmara Municipal de Famalicão pelo vereador do PS Eduardo Oliveira. O Presidente da Câmara, Mário Passos, considera que se trata de um problema da SAD do FC Famalicão.

Eleições no PSD: Paulo Cunha recebeu Rangel e Augusto Lima recebeu “vice” de Rio

Eleições para a liderança nacional decorrem no próximo sábado, dia 27. Paulo Cunha, que disse que não apoiava nem Paulo Rangel nem Rui Rio, mas participou no evento de um dos candidatos.
Partilhar
  • 1
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
    1
    Share

Na manhã desta quinta-feira, decorreu a primeira reunião do novo executivo municipal, que também foi a primeira em formato presidencial, depois das restrições impostas pela pandemia da covid-19. Depois de meses no formato digital, as reuniões voltam a ser presenciais. 

Agora em funções no cargo de presidente da Câmara Municipal, Mário Passos começou por se dirigir aos vereadores e desejar felicidades para todos.

Paulo Folhadela, vereador do Partido Socialista, ressaltou que Famalicão e os famalicenses são os pontos em comum que unem todo o executivo municipal. O vereador do PS afirmou ainda que “é um orgulho cumprir o critério de paridade e ter eleito a vereadora mais jovem”, Juliana Santos.

O vereador da coligação PSD/CDS-PP e vice-presidente da Câmara Municipal, Ricardo Mendes, deixou uma nota de agradecimento aos vereadores que deixaram o órgão e ao ex-presidente Paulo Cunha e desejou um mandato produtivo e proveitoso para todos.

Maria Augusta Santos, ex-deputada do PS à Assembleia da República e agora vereadora no executivo municipal, desejou “que o espírito de cooperação prevaleça”. 

Na agenda desta primeira reunião do Executivo após as eleições, a fixação do número de vereadores a tempo inteiro e a oitava alteração orçamental permutativa foram aprovadas com a abstenção do PS, que agora tem quatro vereadores, contra sete da coligação de direita.

A delegação de competências da Câmara Municipal no seu presidente e o apoio às freguesias tiveram aprovação por unanimidade. 

 

Comentários

- Publicidade -
- Publicidade -

Atualidade