18.1 C
Vila Nova de Famalicão
Sábado, 23 Outubro 2021
Partilhar
  • 1
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
    1
    Share

Mais de 500 alunos de Famalicão colocados na 1ª fase de acesso ao Ensino Superior

O NOTÍCIAS DE FAMALICÃO consultou os resultados das escolas secundárias de Vila Nova de Famalicão no concurso nacional de acesso ao Ensino Superior. Universidade do Minho é o estabelecimento com mais alunos do concelho colocados na 1ª fase do concurso.

4 min de leitura
- Publicidade -

Famalicão

Injex cresce na pandemia. França e Alemanha são mercados prioritários

A empresa fundada pelo famalicense José Duarte Pinheiro de Lacerda acelera o processo de internacionalização na França e na Alemanha.

Democracia, liberdade e jornalismo

Notícias são sobre factos. Opiniões, favoráveis ou desfavoráveis, não mudam a realidade dos factos.

Presidente da Câmara de Famalicão recebe cidadãos às quartas-feiras mediante marcação prévia

Mário Passos mantém presidência aberta com atendimento aos munícipes.

Desacatos no Parque da Devesa levam a participação na Polícia

Tumulto na sessão de esclarecimento promovida pela Associação Famalicão em Transição.
Partilhar
  • 1
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
    1
    Share

O NOTÍCIAS DE FAMALICÃO consultou os resultados das escolas secundárias de Vila Nova de Famalicão no concurso nacional de acesso ao Ensino Superior. Na Escola Secundária Camilo Castelo Branco foram 741 os alunos inscritos para os exames nacionais; na Secundária D. Sancho I, 560; e 422 na Padre Benjamim Salgado.

No total, 701 alunos das escolas secundárias do concelho de Vila Nova de Famalicão apresentaram candidaturas ao ensino superior. Nas 3 escolas, 79% dos que apresentaram candidatura foram colocados na 1ª fase do concurso de acesso.

Em relação aos estabelecimentos de ensino superior a Universidade do Minho, a Universidade do Porto e o Instituto Politécnico do Cávado e do Ave (IPCA) lideram a lista dos 15 estabelecimentos mais frequentes entre as candidaturas dos alunos das secundárias do concelho de Vila Nova de Famalicão.

ENFERMAGEM FOI A ESCOLHA MAIS FREQUENTE ENTRE OS ALUNOS DA PADRE BENJAMIM SALGADO 

Na Escola Secundária Padre Benjamin Salgado – que em 2020 ficou no 65º lugar no ranking de escolas da Católica Porto Business School – 234 alunos tencionavam candidatar-se ao ensino superior, mas foram 193 os que apresentaram a candidatura. Destes, 152 foram colocados na 1ª fase.

Na candidatura de acesso, cada aluno pode escolher 6 opções de curso e estabelecimento de ensino superior. 68 alunos da secundária de Joane foram colocados na 1ª opção e 7 na 6ª.

Entre os 15 cursos com mais colocados destacam-se Enfermagem (7), Engenharia de Sistemas Informáticos, Bioquímica, Psicologia e Turismo (4 colocados cada). Em Medicina entraram 5 alunos que colocaram este curso como 1ª opção.

Quanto aos estabelecimentos de ensino superior, há uma prevalência de universidades e institutos da região Norte e especificamente do distrito de Braga entre as escolhas dos alunos. Na lista dos 15 estabelecimentos que receberam mais candidaturas estão a Universidade do Minho (62), o IPCA (19), a Universidade do Porto (9) e o Instituto Politécnico do Porto (9). A Escola de Enfermagem da Universidade do Minho (3) e a Faculdade de Letras da Universidade do Porto (2) foram a 1ª opção dos alunos lá colocados na 1ª fase.

ENGENHARIA INFORMÁTICA, GESTÃO E MEDICINA COM IGUAL NÚMERO DE COLOCADOS ENTRE ALUNOS DA CAMILO CASTELO BRANCO

Colocada no 74º lugar do ranking de escolas de 2020 e com o maior número de alunos inscritos para os exames nacionais, a Escola Secundária Camilo Castelo Branco apresentou um total de 318 candidaturas – 80% dos 398 que inicialmente tencionavam candidatar-se. Um total de 257 candidaturas garantiu a colocação na 1ª fase do concurso de acesso.

133 alunos da Camilo Castelo Branco foram colocados na 1ª opção e 10 na 6ª.

Na lista de colocados por curso um destaque para Engenharia Informática, Gestão e Medicina com 10 colocados cada. Engenharia Mecânica (9), Economia, Ciências do Desporto e Psicologia (7 colocados cada) também estão entre os cursos mais procurados pelos finalistas desta escola de Famalicão.

No caso da Camilo, o número de colocados por estabelecimento de ensino volta a apresentar uma preferência dos jovens em prosseguir os estudos mais perto de casa. Entre as 15 universidades e institutos que receberam mais candidaturas estão:  Universidade do Minho (86), Universidade do Porto (35), Instituto Politécnico do Porto (23) e IPCA (23). Dos 23 alunos que foram colocados no Instituto Politécnico do Cávado e Ave (IPCA) 13 escolheram a Escola Superior de Gestão.

MAIS INTERESSE, MAS MENOS CANDIDATURAS ENTRE ALUNOS DA D. SANCHO I

Nas escolas secundárias Padre Benjamim Salgado e Camilo Castelo Branco repete-se um padrão nos totais gerais. 54 a 55% dos alunos inscritos para exame tencionavam candidatar-se ao ensino superior e 80 a 82% dos que tinham a intenção apresentou uma candidatura. Já na Escola Secundária D. Sancho I, 232º lugar no ranking de 2020: 58% dos inscritos para exame (ou seja, 325 alunos) referiu que tencionava realizar uma candidatura de acesso ao ensino superior, mas desses apenas 58% apresentou candidatura (190).

Na 1ª fase do concurso, 149 alunos da D. Sancho I foram colocados em cursos e estabelecimentos de ensino superior: 66 na 1ª opção e 4 na 6ª.

Engenharia Informática e Enfermagem surgem como os cursos com maior número de colocados – 11 cada um. Seguem-se Economia (5), Gestão (5), Direito (4) e Medicina (4). Colocados na 1ª opção estão os 3 alunos que entraram no curso de Engenharia de Sistemas Informáticos e os 2 que escolheram Arqueologia.

Na lista dos 15 estabelecimentos de ensino superior mais frequentes entre as escolhas dos alunos da D. Sancho I, o Instituto Politécnico de Viana do Castelo surge à frente do IPCA (12) e da Universidade do Porto (13) com 14 colocados – sendo 11 na Escola Superior de Tecnologia e Gestão. Na Universidade do Minho são 42 colocados. A Escola Superior de Enfermagem da Universidade do Minho, a Faculdade de Economia da Universidade do Porto e a Escola Superior de Tecnologia do IPCA aparecem como a 1ª opção dos 12 alunos lá colocados.

As escolas secundárias de Vila Nova de Famalicão somam, então, um total de 558 alunos colocados na 1ª fase. A 2ª fase do concurso nacional de acesso ao ensino superior iniciou-se no dia 27 de setembro e decorre até dia 8 de outubro.

Comentários