15 C
Vila Nova de Famalicão
Terça-feira, 28 Maio 2024
- Publicidade -

TEMA

Contas Certas

O Pacote embrulhado cheio… de nada!

Em setembro registou-se uma inflação de 9,3%, nunca vista nos últimos 30 anos. Grande parte deste impacto centra-se nos bens de primeira necessidade e na energia.

O respeito está em “obras”

Exige-se planear e colocar os interesses dos munícipes acima da “memória recente” dos eleitores. Estes não sofrem de amnésia nem tão pouco de estupidez.

Moratórias bancárias – “Assobia para o lado”

Não vejo outra alternativa que não seja ir “desligando a máquina” aos poucos, com a cronologia bem definida de modo que todos os players conheçam as regras e os tempos do crescimento das suas responsabilidades.

Bazuca europeia: será mais uma vez pólvora seca?

Embora com algumas reservas, estarei esperançoso de que a “bazuca europeia” não seja, como no passado, um caderno de boas intenções e que no final seja apenas “pólvora seca”.

Depois da tempestade vem a bonança… e o aumento dos preços!

Os primeiros tempos após os levantamentos de limitações e aberturas das economias são de autêntica loucura de consumo. A estabilidade generalizada dos preços na última década pode ter deixado de ser uma realidade e, por isso, terão as empresas que ajustar os seus mecanismos do processo produtivo e antecipar este eventual efeito que será por certo mundial.

Empresas fortes, precisam-se!

A excessiva dependência das instituições financeiras e até mesmo do crédito de fornecedores, coloca a empresa, em parte, nas mãos de externos à mesma. De certo modo amputa a liberdade dos empresários e das suas decisões, coloca em causa a sua rentabilidade e determina uma menor capacidade de crescimento.

A economia ligada ao ventilador

Não posso deixar de sublinhar a angústia que representa ser, neste momento, empresário em Portugal. Remamos ao sabor do vento. Precisamos de lideranças firmes e verdadeiras, não de promessas que fiquem prezas na malha complexa do Estado.

O (tele)drama do trabalho em pandemia

O drama do teletrabalho que nos vem sendo imposto, por motivos de saúde pública e individual, é um autêntico “assalto” ao nosso lar. O local onde é suposto descansarmos e brincar com os nossos filhos é agora também o nosso espaço de trabalho.

Últimas Notícias

Conheça o salário e as regalias de um eurodeputado

Subsídio de estadia de 350 euros por dia, apoio para despesas, reembolso de viagens e de despesas de saúde, subsídio de fim de mandato e pensão de aposentação estão entre as regalias.

Festa da família na escola Terras do Ave

Piquenique organizado pela associação de pais e a direção do agrupamento.

Teatro para crianças e jovens entre 27 de maio e 2 de junho em Famalicão

Espetáculos no Parque da Devesa e na Casa da Pedreira, em Gondifelos.

Santo Tirso cria mais 200 lugares de estacionamento gratuito no centro da cidade

Novo estacionamento entra em funcionamento em julho. Um parque provisório vai estar disponível enquanto decorrem as obras no campo de feira.

Este fim de semana há Rali de Famalicão

83 pilotos participam na competição
- Publicidade -